Cuidemos das Nossas Crianças

Por : | 0 Comentários | On : Maio 27, 2019 | Categoria : Blogue

Na semana após o Dia Internacional da Criança e ainda aproveitando o impacto que teve na população o programa Linha da fente, transmitido no passado dia 23 de Maio, na RTP1, venho aqui deixar algumas considerações sobre a alimentação das nossas crianças.

crianca_obesa-300x214 Cuidemos das Nossas Crianças

Pois bem! Longe vai o tempo em que a informação e o esclarecimento eram apanágio de grupos populacionais privilegiados, com acesso a livros, jornais, rádio e tv, assim como cultura e educação escolar.

Hoje em dia, a Internet e o dr. Google tornaram a informação acessível a quase toda a gente, assim como a melhoria das condições de vida da população, em geral, tornou fácil o acesso á educaçao, a livros e a todos os meios de comunicação conhecidos.

O nosso SNS, apesar de todas as críticas, mau funcionamento e falhas, dispõe de profissionais de sáude que podem sempre esclarecer  dúvidas e responder a questões relacionadas com alimentação infantil.

A medicina avançou, em  passos de gigante, nos conhecimentos e difusão das mais variadas investigações acerca da saúde e da alimentação e nutrição.

477b054e917c3e4aaea44c48f4f7a1f1-300x180 Cuidemos das Nossas Criançasbigstock-Kid-eats-cake-Family-celebrat-78392117-810x511-300x189 Cuidemos das Nossas Crianças

Esta introdução tem o propósito de manifestar o meu espanto com a (ainda) deficiência e insuficiência nutricional que algumas das nossas crianças sofrem, nas grandes cidades do nosso (civilizado) país

Há dias vi uma mãe, na pastelaria onde costumo tomar o meu café a meio da manhã, sentada numa mesa perto, com duas crianças. Uma teria cerca de três anos e outra talvez não tivesse ainda um ano. Mesmo sabendo que cada um faz da sua vida o que quer e educa os seus filhos como quer, fiquei triste quando olhei para as duas crianças (uma menina e um rapazinho) e vi que a menina comia, deliciada, um ovo de chocolate enquanto brincava com o brinde e o bebé, no carrinho, ia comendo colherzinhas de pastel de nata que a mãe lhe ia dando uma atrás da outra. Fiquei triste…

crianca-pode-comer-chocolate-quanto-a-partir-de-que-idade-310051-300x144 Cuidemos das Nossas Crianças

Hoje em dia há estudos científicos que demonstram os malefícios do açúcar, do sal, dos doces e alimentos processados, assim como dos fritos e tantos outros. Os pais são os principais responsáveis pelo bem estar dos filhos e o exercício dessa responsabilidade  começa ainda antes da gestação e continua  com a  nascença do bebé, com a opção da mãe amamentar ou não e o dever de se manterem informados e pedirem ajuda e conselho, junto dos centros de saúde, médicos e outros profissionais, acerca da correcta alimentação dos petizes. E ainda há toda a informação disponibilizada na Internet, em sites credíveis e de cariz informativo e formativo, onde é possível aprender um pouco sobre nutrição infantil.

mulher-esta-gravida-mas-bebe-e-fuma_79405-837-300x200 Cuidemos das Nossas Crianças

Oferecer a crianças pequenas alimentos que em nada contribuem para a sua nutrição, ricos em açúcar, corantes e processados industrialmente é um dos passos gigantescos para que essas crianças se tornem adultos  obesos, com elevado risco de virem a contrair doenças cardiovasculares, diabetes, hipertensão, etc.

É em cada um de nós, pais, avós, tios, amigos dos pais, população em geral, em família e com consciência de nos mantermos sempre informados e atentos à saúde presente e futura dos nossos descendentes , que as mentalidades podem mudar com o objetivo de cuidarmos da nossa saúde e da saúde no nosso planeta.

221049-300x225 Cuidemos das Nossas Crianças

Ao longo da semana irei deixar aqui dicas, receitas e conselhos sobre alimentação infantil. Fiquem atentos e façam do Dia Internacional da Criança um dia para reflexão acerca do que querem realmente para as vossas crianças: adultos saudáveis e felizes  e conscientes da importância de uma boa e correcta alimentação ou adultos doentes e deprimidos, consumindo alimentos prejudiciais para o corpo e para a alma?

 

 

Um abraço da Tia Céu

 

Share This Post!

Deixe uma resposta